O Bulldog Americano, é um descendente directo do antigo Bulldog Inglês.

 

A palavra Bulldog começou por ser uma expressão inglesa utilizada no século XVI e posteriores que designava um determinado fenotipo  de  cães. O nome Bulldog deriva do facto de serem utilizados por fazendeiros no controle das suas manadas de bois, caça grossa, e também em espectáculos (Bullbaiting) no qual teriam de imobilizar touros e ursos. Alem da sua valentia, determinação e desprezo pelo perigo, estes cães apresentavam algumas características físicas que os diferenciavam de outras raças, tais como, cabeça grande  desproporcional ao corpo, focinho achatado e prognatismo  acentuado que permitia a respiração enquanto mordiam.   

 

Destes poderosos cães Ingleses descendem varias raças de cães, no entanto e segundo vários historiadores o Bulldog Americano é a raça canina que mantém mais características em comum com o seu antepassado europeu, sendo  o mesmo cão que durante séculos foi apelidado nos estados unidos de White Bulldog, o qual foi levado por europeus aquando da conquista da América, e posteriormente na segunda metade do  século 18  a meados do século 19 aquando da  massiva imigração Inglesa e Irlandesa para a América do norte.

Existem vários Autores como por ex: o Sr. Dave Putnam que no seu livro “ The Working American Bulldog “ descreve ao longo de mais de 40 páginas, a história da raça desde os primórdios da idade média até aos dias de hoje, baseando factos com documentos e evidências históricas que comprovam a semelhança entre o White Bulldog ou American Bulldog com os antigos Bulldogs ingleses.

 

Nos Estados unidos e durante vários séculos, estes cães foram utilizados por fazendeiros que os utilizavam para guarda e protecção, na captura de bois, caça grossa, e para afastarem lobos e ursos das suas propriedades.

 

A raça American Bulldog estará para sempre ligada ao Sr. John D. Johnson, cidadão Americano nascido em Summerville no estado da Georgia a 5 de Julho de 1924. A ligação do Sr. John a esta raça vem da sua adolescência, aquando o mesmo recebeu do seu pai uma cachorra White Bulldog  que era descendente de cães que  existiam na família há várias gerações. O fascínio pela raça fez com que o Sr. John no final dos anos 40 e após regressar da segunda guerra mundial, dedica-se a sua vida a esta raça.  

Na época esta raça estava a beira da extinção e o Sr. John e a sua  esposa Sra. Mildred L. Johnson, percorreram vários estados americanos com a finalidade de adquirir bons exemplares. O Sr. Johnson e a sua esposa reuniram cerca de 30 Cães, e a partir destes iniciaram um trabalho organizado e estruturado com uma selecção baseada nas competências de trabalho dos seus reprodutores.

 

O Sr. John durante algumas décadas evoluiu varias linhas distintas de cães American Bulldog, tais como Dick Bruiser , Rebel Rouser, Red Machine, Big Buck e outras.

Estas linhas de machos tinham especificidades diferentes. Segundo o Sr. Johnson, por exemplo: a linha Dick Bruiser era mais utilizada para protecção pessoal e captura de animais de grande porte, a linha Rebel Rouser era constituída por  cães com mais competência para guarda etc.

Nas Fêmeas caracterizou linhas distintas com nomes como: Collete, Sugar Dolly, Tuffie e outras .

 

Nas ultimas décadas devido a necessidade de acrescentar património genético em determinadas  linhas o Sr. Johnson e outros criadores de American Bulldog foram cruzando as mesmas entre si e com as Linhas Scott´s, Hine´s, Margentina´s, Painter´s  e outras.

 

O Sr. Johnson faleceu em Janeiro de 2008 com 84 anos.

 

Hoje em dia há um prol genético muito mais alargado, bem como uma considerável preocupação por parte dos criadores de referencia na evolução da raça.

Devido há grande expansão do  Bulldog  Americano nos últimos 20 anos, tem sido criadas por todo o mundo associações e clubes que reconhecem a raça e organizam eventos de trabalho e morfologia.

 

Linha Scott:

Nos anos 70, Alan Scott comprou alguns cães  ao Sr. Johnson e desenvolveu uma linha de cães  Bulldog americano com  características evidentemente diferençiadas da  linha Johnson que lhe deu origem.

 

 

                                                         

                                                             

APARÊNCIA GERAL: Cão poderoso, mostrando força, resistência, inteligência e vivacidade. Forte mas muito activo.

 

CARACTERÍSTICAS: O American Bulldog é um cão muito corajoso. Guardião por excelência, não dá confiança a estranhos e é insubornável. Tem muito sentido de defesa pessoal, quando utilizado em trabalho enfrenta qualquer animal de grande porte.

È amistoso com os seus donos e crianças, brincalhão, cuidadoso e companheiro.

 

TAMANHO / PESO

 

Machos : 57 a 67 cm  à cernelha. Peso: 38 a 64 Kilos

Fêmeas : 53 a 65 cm  à cernelha. Peso: 34 a 57 Kilos

 

 

CABEÇA: Grande e larga, plana no topo dando uma aparência quadrada com focinho de comprimento de curto para médio e bem musculado. A união do focinho com o crânio, forma um stop bem definido. O Bulldog Americano não larga Bába.

 

CRÂNIO: Grande, plano, profundo e largo entre as orelhas. Visto por cima, o crânio é quadrado. Os músculos das bochechas são proeminentes.

 

Focinho: Deve ser largo e profundo, nem longo nem estreito. O comprimento não deve ser menor que 3,8 cm nem maior que 7,5 cm (comprimento ideal: 5 a 6,8 cm).

 

Nariz: Grande com narinas largas e abertas. Pode ser de qualquer cor, porém a de pigmentação escura é preferida.

 

Maxilares: A mandíbula deve ser ligeiramente mais avançada que o maxilar superior, em pelo menos 0,6 cm a 2,5 cm (prognatismo inferior), dependendo do tamanho do cão e o formato da cabeça.

 

Olhos: Inseridos separados, de forma amendoada para redonda, de tamanho médio. Cores: Castanho, Cinza, verde ou azul claro. Nesta raça é comum aparecer exemplares com um olho de cada cor à semelhança de muitos cães do senhor Johnson.

 

Orelhas: De tamanho pequeno para médio, dobradas para a frente ou em rosa.

 

PESCOÇO: Ligeiramente arqueado, de comprimento moderado. Muito musculado - quase igual ao comprimento da cabeça.

 

TRONCO

 

Peito: Profundo e moderadamente largo, com amplo espaço para o coração e pulmões.

 

Costelas: Bem arqueadas junto à coluna, dando ao corpo profundidade suficiente para atingir pelo menos os cotovelos, ou em cães adultos, um pouco mais abaixo.

 

Lombo: Curto e largo,   ligeiramente arqueado, unindo-se à garupa que é moderadamente inclinada.

 

CAUDA: Forte e grossa na raiz, afinando para a ponta.

 

PÊLO: Curto e macio. Não Larga Pelo.

 

PATAS: Redondas, de tamanho médio, bem arqueadas e firmes.

 

COR: Branco sólido. Branco com  Castanho, Vermelho, Amarelo, Tigrado claro ou escuro .

Chelsea of Coelhos Kennel

Tributo a John d. Johnson e à sua esposa Milred Johnson

bulldog2

Estamos a fazer Reservas para a próxima ninhada.

Mais informações na área do nosso site destinada aos Cachorros

 

Veja o Pedigree e fotos dos nossos  Bulldogs   na área  Os nossos Bulldogs

 

Entre em contacto connosco  através da área  Contactos do nosso site.

Estimado visitante, bem-vindo ao meu site da Raça Bulldog Americano.

O meu gosto por cães acompanha-me desde a adolescência. O cão sempre foi um elemento imprescindível na minha família. Os momentos de prazer e harmonia que nos proporcionam são gratificantes e inigualáveis.  

Faço criação de cães desde meados dos anos 90. O critério da escolha das raças das quais faço criação é baseado no meu gosto pessoal e não numa perspectiva comercial. Os resultados do meu trabalho de criação estão expostos em diversos meios de comunicação tais como: internet, revistas da especialidade, em vários trabalhos de alunos do ensino superior, nomeadamente alunos do curso de medicina veterinária, jornalismo e outros.

Considero que a minha honestidade e profissionalismo na criação de cães tem sido determinante no reconhecimento nacional e internacional que tenho tido por parte dos meus clientes e dos seus veterinários, uma vez que 55 % dos cães criados por mim estão espalhados pelo mundo.

O meu objectivo de criação é ambicioso, sendo baseado e estruturado em animais saudáveis e descendentes dos melhores reprodutores do mundo. A qualidade é o lema do meu trabalho.

Neste site poderá ver um resumo da história da raça, padrão, Os meus Bulldogs, Cachorros Disponíveis, Contactos e Reservas

Espero que goste. 

 

Coelho´s  Snowflake 

Coelho´s Ice 1

 

Vídeo  da Raça 

  Contactos

COELHO´S SNOFLAKE 1 

Trina of Coelho´s Kennel

John D.  Johnson  e sua esposa Mildred L. Johnson

 

Foto tirada  no Ano de  1880  nos Estados Unidos

Nos dias hoje á varias linhas que se mantém iguais  ao American Bulldog da  Foto.

Representação de Bulldogs nas ruas de Inglaterra

Bulldog  no ano de 1910

Bulldogs  século  XVII

Bulldog Sec. XIX

Big  Boss de  Paulo Coelho

CadillacBulls´s   Trina  of Coelho´s Kennel

COELHO´S  ZORRO  1

Debbie of Coelhos Kennel

Carregue no link e veja os meus Cachorros Bulldog Americano disponíveis para reserva

www.bulldogsamericanos.com

www.coelhoskennel.com

Se não conseguir  visualizar as imagens no slide, faça actualizar no seu browser.